Poliestireno expandido (EPS) e polipropileno expandido (EPP): Diferenças, características e aplicações

Poliestireno expandido (EPS) e polipropileno expandido (EPP): Diferenças, características e aplicações

O poliestireno expandido (EPS, também conhecido como EPS Isopor®) e o polipropileno expandido (EPP) são os materiais principais dos produtos da Knauf Isopor®, e das soluções e técnicas sobre as quais sempre comentamos aqui no Mundo Isopor. Justamente por isso, neste artigo vamos entender a fundo todas as características principais desses materiais, e quais suas diferenças mais importantes.


Poliestireno expandido

Características

Como o próprio nome já diz, o EPS é composto de pequenos grânulos de poliestireno expandidos. Esse processo utiliza gases – que são 100% inofensivos ao meio ambiente – para fazer com que esses pequenos elementos aumentem e cheguem a até 50 vezes o tamanho original.

Uma vez que todo processo de expansão seja finalizado, o poliestireno expandido passa por um processo de moldagem. É nesse momento que o EPS adquire suas diferentes densidades, e que os produtos em EPS Isopor que conhecemos começam a tomar forma.

Esse processo de produção garante um material leve, 98% composto de ar, mas com resistência à compressão incrível. Além dessas características, o EPS Isopor® apresenta:

  • Baixa condutibilidade térmica;
  • Baixa absorção de água;
  • Mão-de-obra simplificada;
  • Resistência química;
  • Resistente a microrganismos;
  • Adaptável

Aplicações

O poliestireno expandido tem uma variedade enorme de usos possíveis. Dentre as principais, podemos destacar a aplicação na construção civil e nas embalagens.

  • Construção civil: Nesse quesito, o poliestireno expandido pode ser encontrado em telhas térmicas, lajes, forros molduras e até na estabilização de solo. Os materiais, normalmente apresentados em blocos, oferecem inúmeras vantagens relacionadas às suas características físicas.
  • Embalagens: As caixas de EPS Isopor® são conhecidas por ser umas das melhores opções de acondicionamento para congelados. Esse material também é importantíssimo no acondicionamento de eletrodomésticos, compondo as peças técnicas usadas para proteção durante o transporte.

Polipropileno expandido

Características

Menos conhecido do que o poliestireno expandido, o polipropileno expandido, ou EPP, é similar ao polietileno – ou plástico, como esse material é conhecido. Seu processo de fabricação, entretanto, proporciona ao EPP características diferenciadas.

O processo de fabricação do EPP é consideravelmente complexo. A resina de polipropileno é combinada com outros ingredientes, para depois ser expandido. As técnicas de moldagem e as densidades podem variar, conforme a necessidade do produto final.

<>Dentre as características principais do EPP, podemos ressaltar:
  • Alta resistência a impactos sucessivos;
  • Alta compatibilidade com outros materiais;
  • Alta resistência química;
  • Leveza

Aplicação

Dentre as várias opções de aplicação do EPP, podemos mencionar como mais relevante a utilização na indústria automotiva. Com grande vantagem no quesito custo-benefício, pode apresentar diversos tipos de propriedade mecânica, e pode ser considerado um dos materiais que revolucionou a indústria de meios de transporte, permitindo que componentes fossem mais leves.


Diferenças

Como pudemos notar, o poliestireno expandido e o polietileno expandido tem origens parecidas, mas aplicações bem diferentes. Enquanto o EPS é mais leve e tem maior uso doméstico, o EPP é muito mais relevante para a indústria, e, para ser adequado a esse tipo de uso, tem propriedades mecânicas mais resistentes.

Cada um em sua área de atuação, esses materiais oferecem vantagens incríveis, e o melhor, são 100% recicláveis e atóxicos.



Leia Também